Os 12 livros mais vendidos do mundo nos últimos 10 anos

A leitura ainda uma das experiência individuais mais exercidas ao redor do mundo, com milhares de pessoas em busca de livros que possam dar sentido a sua jornada de conhecimento.

Aqui no Jornal da Fronteira, a gente sempre busca oferecer lista de livros, dos mais variados tipos, desde clássicos, passando pelos contemporâneos até os livros de auto-ajuda. Basta você pesquisar, para ter acesso a dezenas de artigos.

Neste trabalho de hoje, lhes apresentamos os 12 livros mais vendidos nos últimos 10 anos (2013-2023), com livros que, em grande maioria, são contemporâneos. Obviamente que você leitor pode discordar, se achar necessário contrariar os livros aqui apresentados.

O objetivo desta lista é contribuir com seu entretenimento e oferecer novas ideias, para você enriquecer a sua jornada de leitura.

Siga-nos no:

siga google news disparada 2 14
livros mais vendidos 1

Os livros mais vendidos nos últimos 10 anos

A lista abaixo dos livros mais vendidos dos últimos 10 anos não segue uma ordem, apenas apresenta os livros em uma sequência aleatória. Note que não apresentamos o volume e nem a cifra monetária, até pelo fato de que seria algo impreciso. Entretanto, os livros abaixo figuram nas lista dos mais vendidos mundo afora, nos últimos 10 anos.

Em cada dia, apresentamos um breve resumo do livro, portanto, alertamos você, que a lista contém spoilers. Isto não serve de empecilho se você pretende ler um título, mas se é daquelas pessoas que não gosta de saber qualquer indício do livro que pretende ler, então não prossiga com a leitura.

Considere ler este artigo: Os 31 livros que moldaram o mundo da literatura universal

Sapiens: Uma Breve História da Humanidade

de Yuval Noah Harari (2011)

Harari mergulha na história da humanidade, desde as origens dos primeiros Homo sapiens na África até os dias atuais. Ele explora como os seres humanos evoluíram, criaram sociedades, desenvolveram culturas e transformaram o mundo ao longo do tempo. Harari desafia conceitos tradicionais e oferece uma narrativa provocativa sobre a trajetória da espécie humana.

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

de J.K. Rowling (2016)

Esta peça de teatro, baseada na história original de J.K. Rowling, segue a vida adulta de Harry Potter e seus amigos, especialmente seu filho mais novo, Alvo Severo Potter. A trama envolve viagens no tempo e explora questões de identidade, amizade e legado, enquanto os personagens enfrentam desafios inesperados.

Leia ainda: Os 15 melhores livros da literatura universal na lista dos mais vendidos

Homo Deus: Uma Breve História do Amanhã

de Yuval Noah Harari (2016)

Em sua continuação de “Sapiens”, Harari projeta seu olhar para o futuro, explorando as possíveis direções da humanidade. Ele discute como avanços tecnológicos, como inteligência artificial, biotecnologia e automação, podem moldar o destino da espécie humana e questiona o que significa ser humano em um mundo cada vez mais dominado pela tecnologia.

Um Lugar Bem Longe Daqui

de Delia Owens (2018)

Situado nas vastas terras pantanosas da Carolina do Norte, este romance acompanha a vida de Kya Clark, uma jovem conhecida como a “Menina do Pântano”. Quando um assassinato abala a pequena cidade onde vive, Kya se torna uma suspeita. A história explora temas de solidão, amor e sobrevivência, enquanto Kya luta para encontrar seu lugar no mundo.

Leia também: Os 20 livros mais complexos e mais fascinantes da literatura universal

Torto Arado

de Itamar Vieira Junior (2018)

Ambientado no sertão da Bahia, o livro narra a história de duas irmãs, Bibiana e Belonísia, que são separadas ainda na infância após um trágico acidente. Conforme crescem, cada uma segue seu próprio caminho, mas suas vidas continuam entrelaçadas pelos laços familiares, pela herança cultural e pela luta pela terra. O romance aborda questões como desigualdade social, violência e resistência, oferecendo uma poderosa reflexão sobre a identidade e a história do povo brasileiro.

O Sol É Para Todos

de Harper Lee (1960)

Este clássico da literatura americana acompanha a jornada de Scout Finch, uma jovem garota que cresce no sul dos Estados Unidos durante os anos 1930. Narrado sob a perspectiva dela, o livro aborda temas como racismo, injustiça e moralidade, especialmente quando seu pai, o advogado Atticus Finch, defende um homem negro acusado injustamente de estupro. A obra destaca a luta pela justiça e os desafios de enfrentar a intolerância em uma sociedade dividida.

Veja ainda este artigo: Os 25 livros essenciais da literatura universal para ler antes de morrer

1984

de George Orwell (1949)

Situado em um futuro distópico, onde o Estado totalitário controla todos os aspectos da vida dos cidadãos, “1984” segue a vida de Winston Smith, um funcionário do governo que começa a questionar a realidade manipulada em que vive. O romance aborda temas como vigilância, propaganda e opressão, oferecendo uma crítica contundente aos regimes autoritários e à perda da liberdade individual.

livros mais vendidos 3

A Revolução dos Bichos

de George Orwell (1945)

Esta fábula satírica apresenta uma fazenda onde os animais se rebelam contra seus donos humanos, liderados pelos porcos. Inspirados pela ideia de igualdade, os animais estabelecem um governo próprio, mas logo descobrem que a nova ordem não é tão diferente da anterior. A obra critica o totalitarismo, ilustrando como os líderes podem abusar do poder em nome de ideais nobres.

Se puder, leia ainda: Os 10 livros da literatura universal mais vendidos nos últimos 100 anos

O Senhor dos Anéis

de J.R.R. Tolkien (1954-1955)

Esta é uma épica saga de fantasia que se passa na Terra Média, um mundo ficcional criado por Tolkien. A história acompanha a jornada do hobbit Frodo Bolseiro, que embarca em uma perigosa missão para destruir um poderoso anel capaz de controlar o mundo. Ao longo do caminho, ele é acompanhado por diversos personagens, incluindo elfos, anões, magos e homens, enquanto enfrentam forças das trevas determinadas a recuperar o anel.

Diário de Anne Frank

de Anne Frank (1947)

Este é o diário pessoal de Anne Frank, uma adolescente judia que viveu escondida com sua família durante a ocupação nazista da Holanda durante a Segunda Guerra Mundial. O diário oferece um relato íntimo e comovente da vida de Anne enquanto ela enfrenta os desafios e as angústias do confinamento, ao mesmo tempo em que compartilha seus sonhos, medos e reflexões sobre o mundo exterior.

Por fim, não deixe de ler: Os 10 principais livros que constituem a essência do Estoicismo

O Pequeno Príncipe

de Antoine de Saint-Exupéry (1943)

Este é um conto filosófico que narra a jornada de um jovem príncipe que viaja por diferentes planetas em busca de entendimento sobre o amor, a amizade e o significado da vida. Ao longo de suas aventuras, ele encontra diversos personagens peculiares, incluindo um rei, um vaidoso, um bêbado e uma raposa, cada um ensinando-lhe valiosas lições sobre o que realmente importa na existência.

Orgulho e Preconceito

de Jane Austen (1813)

Este clássico da literatura inglesa segue a história das irmãs Bennet, especialmente de Elizabeth Bennet, uma jovem inteligente e independente, e seu relacionamento com o altivo Sr. Darcy. Ambientado na Inglaterra do século XIX, o romance aborda temas como amor, casamento, classe social e preconceito, enquanto os personagens enfrentam os desafios e as expectativas da sociedade da época.

Como já observamos acima, esta lista se baseia em vendas e não reflete a opinião de especialistas literários. Também é importante notar que alguns desses livros foram publicados antes dos últimos 10 anos, mas suas vendas aumentaram significativamente durante esse período.

Existem muitas listas por aí, cada uma com títulos diferentes, utilizando conceitos diferentes. O importante é que cada uma oferece novidades para o leitor se aventurar no mundo da leitura.

Só para finalizar, leia: Os melhores escritores de Santa da Catarina na história da Academia

Conclusão dos livros mais vendidos

Os livros mais vendidos do mundo nos últimos 10 anos refletem o aspecto social ao longo destes anos, tendo títulos contemporâneos e títulos clássicos, mostrando que a jornada literária é fascinante. Livros como Sapiens e Orgulho e Preconceito expostos no mesmo nível, expõe o quanto é amplo o universo mercadológico. Claro que esta lista é incompleta e até mesmo, cabe dizer, reflete muito a habilidade de marketing do editor. Mas, em síntese, os livros mais vendidos do mundo dos últimos 10 anos reflete que, se a história é boa, foi bem escrita e ganhou um contexto global, ela tem boa parte dos requisitos para ser um sucesso absoluto de vendas.

...