Tecnologia LIDAR revela uma antiga metrópole Maia oculta na selva mexicana

No coração da exuberante selva mexicana, escondida sob a densa vegetação, reside um tesouro arqueológico há muito perdido: a antiga metrópole maia de Calakmul.

Recentemente, arqueólogos empregaram uma ferramenta revolucionária para desvendar os segredos dessa civilização milenar: a tecnologia LIDAR.

Os resultados surpreenderam o mundo, revelando uma cidade que se estende por uma área quase o dobro do tamanho da cidade de Vancouver, no Canadá.

Calakmul, localizada no sul do México, é conhecida como uma das maiores e mais poderosas cidades maias da antiguidade.

No entanto, sua localização remota e a densa cobertura florestal sempre dificultaram os esforços para mapear completamente seu vasto território. Foi aí que entrou em cena a tecnologia LIDAR.

O LIDAR, sigla para “Light Detection and Ranging”, é uma técnica de mapeamento que utiliza pulsos de laser para medir a distância até a superfície terrestre. Essa tecnologia é capaz de penetrar na densa cobertura vegetal e criar mapas tridimensionais altamente detalhados do terreno subjacente.

piramide mexico 1

Ao sobrevoar a região de Calakmul com aeronaves equipadas com sistemas LIDAR, os arqueólogos puderam “descascar” digitalmente a selva e revelar as estruturas enterradas sob as copas das árvores.

Os resultados da varredura LIDAR revelaram uma cidade muito maior e mais complexa do que se imaginava anteriormente.

Os arqueólogos identificaram uma extensa rede de estradas, praças, pirâmides e residências, sugerindo uma população e uma organização urbana muito mais densas do que se pensava anteriormente.

Uma das descobertas mais impressionantes foi a identificação de uma pirâmide monumental, possivelmente um templo, que se eleva acima da paisagem da selva. Além disso, foram encontradas evidências de sistemas de irrigação e agricultura avançados, indicando uma sociedade altamente desenvolvida e adaptada ao ambiente tropical.

A descoberta da extensa metrópole maia de Calakmul tem importantes implicações para nossa compreensão da civilização maia e da história da Mesoamérica. Essa cidade recém-revelada lança luz sobre a complexidade e o alcance das sociedades antigas que habitavam a região.

Além disso, a aplicação bem-sucedida da tecnologia LIDAR em Calakmul destaca o potencial dessa ferramenta para a arqueologia e a conservação do patrimônio em todo o mundo.

Ao permitir uma visão sem precedentes do passado oculto sob a vegetação, o LIDAR está transformando nossa capacidade de entender e preservar as civilizações antigas.

A descoberta da antiga metrópole maia de Calakmul, revelada através do uso da tecnologia LIDAR, é um marco significativo na história da arqueologia. Essa cidade perdida na selva mexicana nos lembra da riqueza e complexidade das civilizações antigas e destaca o potencial da tecnologia moderna para desvendar os segredos do passado.

À medida que continuamos a explorar e estudar as ruínas de Calakmul, estamos mais perto de desvendar os mistérios de uma das maiores civilizações da Mesoamérica.

Incrível tesouro com muito ouro encontrado em tumba

Ruínas majestosas de uma cidade pré-histórica nas selvas brasileiras

...