O estranho rei persa que ordenou punir o mar

Imagine um exército de soldados chicoteando as águas do mar. Pois é, isso aconteceu de verdade, segundo as histórias.

Vamos contar um pouco da história do rei Xerxes I, renomado líder do Império Persa, marcou sua passagem na história com sua audaciosa campanha militar na Grécia. Conhecido por sua determinação e, às vezes, por suas ações peculiares, ele deixou um legado que ecoa através dos séculos.

Xerxes I ascendeu ao trono persa em um período de grande poder e expansão para o Império Aquemênida. Sua sucessão foi marcada por uma série de vitórias sobre revoltas no Egito e na Babilônia, consolidando ainda mais seu domínio sobre vastos territórios.

Em 480 a.C., Xerxes dirigiu seu olhar ambicioso para a Grécia, determinado a vingar a derrota de seu pai e expandir os domínios persas. Sua invasão foi marcada por uma série de batalhas épicas, incluindo confrontos famosos como as Termópilas, Salamina e Platéia.

Uma das proezas mais notáveis de Xerxes foi a ordem para construir uma ponte flutuante sobre o estreito de Dardanelos, permitindo que seu exército cruzasse da Ásia para a Europa. No entanto, uma reviravolta inesperada interrompeu seus planos quando uma tempestade destruiu a ponte recém-construída.

Enfurecido com o revés, Xerxes ordenou uma ação sem precedentes: a punição ao próprio mar. Seu exército foi instruído a açoitar as águas e perfurá-las com ferros em brasa, em um gesto de desafio e desespero. Essa atitude peculiar refletiu a determinação inabalável do rei em enfrentar até mesmo as forças da natureza.

Apesar dos contratempos, Xerxes persistiu na reconstrução da ponte e continuou sua campanha contra a Grécia. No entanto, suas ambições encontraram um fim amargo com a derrota das forças persas diante dos gregos. Ao tentarem recuar, os persas descobriram que a ponte havia sido novamente destruída, encerrando assim a incursão de Xerxes na Grécia.

Xerxes, o Grande, deixou um legado complexo e fascinante na história antiga. Sua invasão à Grécia, marcada por momentos de grandeza e estranheza, continua a intrigar estudiosos e entusiastas da história. A punição ao mar é apenas um dos muitos episódios que destacam a determinação implacável desse líder extraordinário e os eventos tumultuados de seu reinado.

Veja alguns textos que podem te interessar?

Extraordinário tesouro de ouro de 1500 anos é descoberto na Dinamarca

Relíquias de 2.400 anos são encontradas nas profundezas do Mar Negro

...