Descoberto o carrinho de brinquedo mais antigo do mundo com 7.500 anos

Milhares de anos antes dos pais comprarem brinquedos para carros elétricos para seus filhos, a humanidade já estava envolvida com a engenhosidade das rodas. Uma recente descoberta na Turquia levou a uma revelação fascinante: nossos antepassados conheciam a roda há 7.500 anos.

Um carro de pedra com dois eixos e quatro rodas, encontrado durante escavações no distrito de Kiziltepe, na província de Mardin, no sudeste da Turquia, oferece um vislumbre surpreendente do passado distante.

A descoberta do carro de pedra remonta ao final da Idade da Pedra, segundo o arqueólogo Mesut Alp. Com cerca de 7.500 anos de idade, esse antigo brinquedo não só fascina pelo seu propósito lúdico, mas também pela sua semelhança com os carros modernos. O Diretor de Cultura e Turismo de Mardin, Davut Beliktay, destaca a aparência do carro, comparando-a até mesmo a um trator, sugerindo uma notável compreensão da funcionalidade veicular.

Além do carro de pedra, as escavações revelaram outros artefatos intrigantes, incluindo bonecos de brinquedo e apitos de pedra, alguns ainda em condições de funcionamento após milênios. A descoberta mais impressionante, no entanto, pode ser uma placa de pedra com inscrições escritas, indicando um nível de complexidade social e cultural surpreendente para a época.

A descoberta desse antigo carro de pedra lança nova luz sobre o conhecimento humano sobre a roda em tempos antigos. Enquanto gravuras rupestres e representações em vasos de barro já forneciam indícios do uso de vagões, o carro de pedra de Kiziltepe é uma evidência tangível e impressionante da engenhosidade humana. Registros arqueológicos adicionais confirmam que as rodas eram conhecidas em várias partes do mundo desde o início do quarto milênio a.C., mas nada se compara à singularidade deste achado.

A descoberta do carro de pedra em Kiziltepe, Turquia, oferece uma visão fascinante do passado humano. Essa evidência arqueológica desafia e enriquece nossa compreensão da história, destacando a engenhosidade e o conhecimento dos nossos antepassados.

Enquanto continuamos a desvendar os mistérios do passado, o carro de pedra de 7.500 anos permanece como uma testemunha silenciosa da criatividade e da inovação humanas há milênios atrás.

Veja alguns textos que podem te interessar?

Incrível tesouro com muito ouro encontrado em tumba

Ruínas majestosas de uma cidade pré-histórica nas selvas brasileiras

...