Secretaria de Saúde orienta ampliação da vacina contra gripe para crianças até 12 anos em SC

A partir desta segunda-feira, 29, a vacina contra a gripe está liberada para aplicação em crianças de até 12 anos de idade em Santa Catarina. A medida, anunciada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), surge em resposta à antecipação da circulação dos vírus respiratórios no estado e ao aumento alarmante dos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por influenza em crianças dessa faixa etária.

Motivação para a Ampliação

Segundo dados da SES, aproximadamente 80% das internações de SRAG por influenza registradas no estado estão concentradas nas faixas etárias de 0 a 12 anos e acima de 60 anos. Esse cenário desafiador impulsionou a ampliação da faixa etária para a vacinação contra a gripe, com o objetivo de conter a propagação do vírus e reduzir os casos graves que levam à hospitalização.

A Secretária de Estado da Saúde, Carmen Zanotto, enfatizou a importância da medida: “A vacina, até o momento, estava disponível para crianças de 6 meses a 5 anos. A partir de hoje, estamos orientando ampliar essa faixa etária de 5 a 12 anos de idade. Com isso, a gente vai imunizar nossas crianças mais rapidamente e reduzir os internamentos hospitalares.”

Gripe 1

Ampliação da Faixa Etária e Orientações

Com a ampliação, a vacina contra a gripe passa a ser liberada para todas as crianças com idade entre 6 meses a 12 anos de idade. Anteriormente, a dose só era disponibilizada para crianças até 5 anos. No entanto, a aplicação de doses nos demais grupos prioritários, como idosos com 60 anos ou mais, pessoas com comorbidades e deficiência permanente, trabalhadores da saúde, professores, entre outros, permanece sem alteração.

Andamento da Campanha de Vacinação

A Campanha de Vacinação contra a Gripe teve início em 25 de março em todo o estado de Santa Catarina e seguirá até 31 de maio. O dia D, sábado de mobilização estadual, ocorreu em 13 de abril, porém, os municípios têm autonomia para realizar novas mobilizações, caso julguem necessário para alcançar a cobertura vacinal recomendada pelo Ministério da Saúde (MS), que é de 90%.

Até o momento, a cobertura vacinal em Santa Catarina é de 29,90%, de acordo com o painel de doses aplicadas do MS.

Importância da Vacinação

A vacina oferecida na rede pública de saúde previne os principais vírus influenza presentes no Brasil, incluindo o influenza A (H1N1), influenza A (H3N2) e o vírus influenza B. No entanto, é crucial ressaltar que a proteção só se torna efetiva de duas a três semanas após a aplicação da dose. Por isso, a Secretaria de Estado da Saúde reforça a importância de se vacinar o quanto antes, a fim de evitar casos graves, hospitalizações e mortes por gripe.

Recomendações Específicas

Para as crianças que receberão a vacina contra a gripe pela primeira vez, é necessário tomar duas doses, com um intervalo de 30 dias. Além disso, para aqueles que também estão na faixa etária para aplicação da vacina contra a dengue, que é de 10 a 14 anos, o intervalo recomendado entre as doses da gripe e da dengue deve ser de 24 horas.

A ampliação da faixa etária para a vacinação contra a gripe representa um passo significativo na proteção da saúde pública, especialmente diante do cenário desafiador imposto pela pandemia de COVID-19 e pela circulação dos vírus influenza. A adesão à vacinação é fundamental para mitigar os impactos dessas doenças respiratórias e proteger a população, especialmente as crianças, um dos grupos mais vulneráveis.

Leia mais

Governador acompanha chegada do primeiro voo cargueiro de rota que conecta Santa Catarina à Europa

Jorginho Mello apresenta Santa Catarina a investidores e empresários no maior centro econômico do Brasil

Foto: Ricardo Wolffenbüttel/SECOM

...