Os looks mais icônicos do Met Gala 2024

O Met Gala é um dos eventos de moda mais aguardados do ano. Organizado pela editora-chefe da Vogue americana, Anna Wintour, o grande baile acontece anualmente na primeira segunda-feira de maio no Metropolitan Museum of Art, em Nova York. Além de ser um espetáculo fashion, o evento também é uma oportunidade de arrecadar fundos para o museu.

Cada ano traz um tema diferente, orientando as celebridades na escolha de suas roupas. No Met Gala deste ano, o tema foi “The Garden of Time”, O Jardim do Tempo, inspirado no conto do escritor britânico de ficção científica JG Ballard. O tapete “verde” do evento foi transformado em um jardim encantado, com estrelas vestidas em looks inspirados em flores, pétalas, galhos e folhas, também adicionaram ampulhetas e relógios para simbolizar o tempo.

O tema trouxe muita criatividade ao tapete, com as celebridades usando elementos naturais e brincando com o conceito de tempo e história presente na obra de Ballard. O resultado foi um desfile cheio de variedade e ousadia, mostrando mais uma vez por que o Met Gala é o evento mais esperado do mundo da moda.

Met Gala: Tyla

O vestido que a cantora Tyla usou no seu primeiro Met Gala foi um verdadeiro espetáculo, deixando todos chocados com a sua beleza e a do seu vestido de areia, que esculpiu seu corpo misturando três tons de areia verdadeira com microcristais, criando um efeito brilhante e magnífico. Além disso, ela completou o look com cabelo de efeito molhado e areia nos braços.

A obra de arte da Balmain, criada por Olivier Rousteing, diretor criativo da marca, chamou muita atenção no Met Gala. Todos ficaram impressionados com a ampulheta que a celebridade carregava como bolsa, simbolizando a passagem do tempo e combinando perfeitamente com o tema do evento. Além disso, ela estava deslumbrante.

Esse visual é uma interpretação criativa do tema da exposição e do dress code do evento, trazendo areia, um elemento da natureza que muda com os ventos, as ondas e o passar do tempo. A escolha da areia como material principal não só reforça o conceito da mudança constante e da passagem do tempo, mas também simboliza a natureza efêmera da moda e da vida.

Tyla vestindo o vestido de areia no Met Gala

Met Gala: Elle Fanning

A atriz norte-americana Elle Fanning brilhou no Met Gala com um deslumbrante vestido da Balmain, que esculpia perfeitamente seu corpo. O vestido, em tons que remetiam a uma escultura de gelo, realçava sua silhueta de forma elegante e sofisticada. Com um design refinado, a peça parecia ter sido feita sob medida para ela, como se tivesse sido esculpida diretamente em seu corpo.

Os tons frios do vestido criavam um efeito que lembrava gelo cristalino, captando e refletindo a luz do evento. Todos ficaram chocados e falando que isso sim era look que se trata o Met Gala, parecendo uma escultura de gelo que você encontraria em um Jardim.

Para completar o look, ela optou por cabelos soltos e maquiagem suave, reforçando a aparência encantadora. O vestido da Balmain enfatizou sua elegância e também trouxe uma interpretação única do tema do Met Gala, evidenciando a criatividade e visão artística de Olivier Rousteing, diretor criativo da marca.

Ellie Fanning Met Gala

Met Gala: Zendaya

Zendaya, já conhecida por entregar looks icônicos no Met Gala, foi uma das anfitriãs do evento este ano e não decepcionou. Chegando cedo ao tapete vermelho, ela usou um deslumbrante vestido da Maison Margiela, totalmente alinhado ao tema.

A peça, em tons de azul e verde escuro, era adornada com cachos de uvas pendurados, trazendo um toque original ao look. Criado por John Galliano, o vestido foi inspirado em uma peça assinada por ele em 1999, quando era diretor criativo da Dior.

A maquiagem, feita por Pat McGrath, acrescentou ainda mais drama ao visual, com sobrancelhas finas e olhos esfumados, trazendo personalidade e profundidade com sombras de um vermelho escuro. Um adereço de cabeça e um pássaro no pescoço completaram o look, dando um toque de fantasia.

Mas Zendaya não parou por aí. Após duas horas, ela voltou ao tapete vermelho com seu segundo look, um vestido Givenchy de 1996, totalmente preto e em camadas no estilo gótico. Para completar, ela usou um grande buquê de flores na cabeça, desfilado originalmente na coleção de Alexander McQueen em 2004.

Ao encerrar a noite, Zendaya foi, sem dúvida, uma das celebridades mais bem vestidas e comentadas do evento.

Zendaya vestidos do Met Gala

Met gala: Mona patel


Mona Patel, uma mulher desconhecida até então, superou muitas celebridades no Met Gala deste ano. De acordo com a Vogue, ela é uma empreendedora de moda indiana e fez sua estreia no evento. Ela foi estilizada por Law Roach com um vestido inspirado em borboletas, que já se tornou viral nas redes sociais.

A peça, assinada por Iris Van Herpen em colaboração com Casey Curran, foi confeccionada na cor nude e trouxe um toque etéreo e futurista ao visual de Patel. O vestido parecia flutuar ao seu redor, com detalhes intrincados que imitavam as asas delicadas de uma borboleta.

Essa combinação perfeita entre elegância e inovação fez com que Mona Patel se destacasse, provando que estilo não vai com o quanto a celebridade é famosa. Sua estreia no Met Gala foi marcada por um look impressionante, com esse design magnifico que simbolizava as borboletas que se moviam em seus braços, um look icônico que rapidamente conquistou o público e a crítica, tornando-a uma das figuras mais comentadas do evento deste ano.

Mona patel no Met Gala

Met gala: Gigi Hadid

A super modelo norte americana Gigi Hadid arrasou no Met Gala deste ano com um deslumbrante vestido do estilista Thom Browne. O traje, com corset ombro-a-ombro e uma saia volumosa decorada com rosas amarelas em 3D

A super modelo norte americana Gigi Hadid arrasou no Met Gala deste ano com um deslumbrante vestido do estilista Thom Browne. O traje, com corset ombro-a-ombro e uma saia volumosa decorada com rosas amarelas em 3D representou a passagem do tempo e da transformação da natureza, que exigiu mais de 70 pessoas e 13.500 horas para ser feito à mão.

Hadid completou o look com uma maquiagem simples, batom vermelho e cabelo curto e enrolado, adicionando um toque de glamour hollywoodiano. O estilista Browne comentou que queria que o visual de Hadid refletisse a fragilidade e o trabalho artístico da exposição, destacando-se no tapete vermelho e no Metropolitan Museum of Art.

A saia, bordada por uma equipe de 40 pessoas ao longo de mais de 8.500 horas, e o espartilho, bordado à mão por 20 artesãos durante 5.000 horas, completaram o visual deslumbrante da modelo. Gigi Hadid provou mais uma vez que é uma das modelos mais importantes da moda atual, impressionando a todos e deixando sua marca no mundo da moda.

Gigi hadid no Met Gala

Met Gala: Lana del rey

Lana Del Rey foi um dos destaques da noite, encantando todos no tapete vermelho com um visual que trouxe muita elegância. Ela usou um vestido Alexander McQueen, criado por Seán McGirr, inspirado no escultor suíço Alberto Giacometti. O vestido, feito de seda, tule e georgette, tinha um espartilho bordado à mão que simulam galhos e raízes de árvores que subiam da saia até a cabeça.

O véu usado por Lana Del Rey deu um toque especial ao visual, complementando os galhos bordados do espartilho. A cantora também carregava uma rosa vermelha, que adicionou uma dose de mistério e romantismo ao conjunto.

A combinação de todos esses elementos resultou em um look memorável, que combinou perfeitamente com o tema da exposição. Lana Del Rey conseguiu capturar a essência do Met Gala, equilibrando elegância e melancolia de forma magistral, tornando-se uma das figuras mais marcantes e inesquecíveis da noite.

Lana del rey no Met Gala

Met Gala: Kandell Jenner

A modelo Kendall Jenner apareceu no Met Gala deste ano deslumbrante com um vestido icônico de Alexander McQueen, quando ele ainda trabalhava na Givenchy. A peça, é um verdadeiro tesouro de arquivo, foi criada em 1999, quando Kendall ainda tinha apenas 4 anos!

Antes de Kendall usar o vestido ele era exibido apenas em manequins, tornando ela a primeira pessoa a vesti-lo de verdade. A peça tem detalhes impressionantes, como as franjas nos ombros e os recortes estilosos na cintura. Mesmo sendo uma peça de arquivo, ela ainda é super moderna e encantou todo mundo no tapete vermelho.

E sabe o que torna tudo ainda mais especial? Uma peça de arquivo normalmente não pode ser ajustada, mas o vestido serviu perfeitamente no corpo de Kendall, como se tivesse sido feito especialmente para ela.

Ela mesma disse “Estou tão incrivelmente honrada em usá-lo, eu sou a primeira humana a usá-lo, foi um milagre que encontramos e parece que foi feito para ser tão perfeito, por que as chances de caber em mim eram muito pequenas”, destacando como foi um momento perfeito encontrar o vestido.

Kendall Jenner conseguiu capturar a essência do Met Gala com seu visual, equilibrando elegância e história de forma impecável. Foi, sem dúvida, um dos looks mais marcantes da noite e provou que a moda vintage ainda pode ser incrivelmente atual e glamorosa.

Look Met Gala Kendall Jenner

Met Gala: Bruna Marquezine

A atriz Bruna Marquezine estava representando o Brasil e fazendo sua estreia no Met Gala, Bruna entregou um dos melhores visuais no tapete vermelho. Seu vestido, branco e elegante, valorizava sua silhueta enquanto a saia volumosa e cheia de flores delicadas acrescentava um toque romântico e sofisticado.

A escolha de Bruna para sua estreia no Met Gala foi um vestido branco da estilista grife Burberry, combinando perfeitamente com sapatos de Giuseppe Zanotti, uma marca italiana de calçados de luxo. Marquezine brilhou ainda mais com as joias luxuosas da Tiffany & Co. Só nos acessórios, a atriz carregou cerca de R$ 3 milhões, Ela ostentou um anel de platina com mais de 5 quilates de diamante, avaliado em cerca de R$ 1.820.260,00, além de brincos de platina com diamantes que custam aproximadamente R$ 1.271.000,00.

Sua presença trouxe elegância e brilho ao tapete vermelho. A atriz encantou a todos com sua postura impecável, um sorriso encantador e um vestido que valorizou seu corpo e personalidade. A peça conseguiu capturar perfeitamente a essência do tema “The Garden of Time”, trazendo a beleza delicada das flores ao centro da composição.

Bruna Marquezine fez história ao entrar para a lista de convidados da lendária Anna Wintour, editora-chefe da Vogue. Sua estreia no Met Gala foi um verdadeiro sucesso, e seu look mostrou ao mundo a força e a elegância da moda brasileira. Ela provou que uma estreia pode ser inesquecível quando há confiança e estilo envolvido.

Bruna Marquezine no Met Gala

Met Gala: Emma Chamberlain

A influenciadora digital Emma Chamberlain foi uma das primeiras a serem fotografadas no Met Gala deste ano. Ela apareceu com um vestido belíssimo e personalizado de Jean-Paul Gaultier, diretamente do catálogo de outono de 2003. O visual trouxe um toque vintage ao evento, combinando perfeitamente com a essência nostálgica do tema “The Garden of Time”.

Emma explicou o conceito por trás do look: “O Met Gala é hora de fazer um show, não? O tema é o Jardim do Tempo, inspirado por um conto. É um tema meio fantasioso e encantado. É divertido adicionar um toque sombrio a isso.”

A equipe Gaultier se inspirou no espartilho de renda cor mocha usado por Suzanne von Aichinger no desfile de alta costura da primavera de 2003, chamado “Morphing”. O espartilho foi o ponto de partida para criar um vestido que flutua ao redor do corpo, capturando a fragilidade e a decomposição da natureza.

O vestido destacou a silhueta de Emma com seu corte justo e decote diferenciado, trazendo um toque vintage ao tapete vermelho. Acessórios discretos e joias delicadas completaram o visual, enquanto o cabelo preso em um coque elegante e a maquiagem minimalista destacaram sua beleza natural.

Emma Chamberlain combinou moda vintage com um toque moderno, tornando-se uma das figuras mais memoráveis da noite e provando que os anos 2000 estão de volta com tudo!

Met gala

...