Mergulhadores encontram grande quantidade de moedas de ouro com mais de mil anos

Israel anunciou uma impressionante descoberta arqueológica nesta quarta-feira (18), com a revelação da maior quantidade de moedas de ouro medievais já encontradas no país. Esse tesouro histórico, com mais de duas mil moedas e pesando aproximadamente seis quilos, foi acidentalmente encontrado por mergulhadores amadores há duas semanas nas proximidades de Cesareia, cidade portuária israelense. A Autoridade de Antiguidades israelense confirmou a autenticidade das moedas e a relevância histórica dessa descoberta.

O Diretor da Unidade Marítima de Arqueologia, Kobi Sharvit, explicou que as moedas provavelmente foram arrastadas por tempestades recentes na região e são evidências fascinantes da era Fatímida, datada dos séculos 10 e 11. O acervo inclui uma moeda dinar produzida em Palermo, na Sicília, durante a segunda metade do século 9, sendo a mais antiga da coleção.

As moedas, de diferentes denominações, dimensões e pesos, podem ter sido originárias de um navio que naufragou enquanto transportava dinheiro de impostos para o Egito, ou talvez de um navio mercante que navegava ao longo da costa do Mediterrâneo. Os arqueólogos estão empolgados com a descoberta e esperam que futuras escavações complementem o conhecimento do contexto arqueológico, respondendo assim a diversas questões ainda sem resposta sobre esse tesouro histórico.

WhatsApp Image 2023 08 08 at 15.20.00

Curiosamente, quando os mergulhadores encontraram as moedas, inicialmente pensaram que fossem de brinquedo, porém, ao perceberem a importância do achado, prontamente notificaram as autoridades competentes. Os arqueólogos da marinha, usando detectores de metal, identificaram um grande espaço com essas valiosas moedas, que foram entregues ao governo para proteção e estudo.

Segundo o curador da Autoridade de Antiguidades, Robert Kool, as moedas estão em excelente estado de conservação, não necessitando de limpeza, apesar de repousarem no fundo do mar por mais de mil anos. O ouro, como metal nobre, não é afetado pelo ar ou água, e algumas moedas apresentavam marcas de dente e mordidas, indicando que foram minuciosamente inspecionadas pelos comerciantes da época.

Essa descoberta oferece uma fascinante visão do passado de Israel e promete contribuir significativamente para o entendimento histórico da região durante a era Fatímida, além de enriquecer o patrimônio arqueológico do país.

...