Eclipses solares totais que acontecerão nos próximos 10 anos

No começo do mês de abril, aconteceu um eclipse solar total que prendeu a atenção de milhões de pessoas na América do Norte, também como em pontos dispersos do Oceano Atlântico e Pacífico. Esse fenômeno acontece quando a Lua cobre totalmente o Sol, o que desperta um entusiasmo e um nervosismo entre quem está observando.

Você pode estar se perguntando: “Será que terei a oportunidade de testemunhar um eclipse total nos próximos dez anos?” A resposta é animadora para a maioria do globo, mas desanimadora para o Brasil – pelo menos nos próximos 20 anos.

Próximos eclipses solares totais no Brasil

O próximo eclipse solar total no Brasil está previsto para o dia 12 de agosto de 2045. O clímax deste evento está marcado para as 16h19, porém somente algumas regiões terão a sorte de presenciar essa ocasião celestial. Eclipses totais são raros, ocorrendo em estreitas faixas com aproximadamente 360 quilômetros de largura.

Após o evento de 2045, o Brasil só terá outra oportunidade de testemunhar um eclipse total em 2125. Entretanto, ainda haverá eclipses parciais em 6 de fevereiro de 2027, 26 de janeiro de 2028 e 20 de março de 2034. Embora não tão impressionantes quanto os eclipses totais, esses eventos parciais ainda oferecem uma visão espetacular do cosmos em ação.

1. 2026: Ilhas e Península Ibérica

Em 2026, a Europa será agraciada com seu primeiro eclipse solar total em 27 anos. Este fenômeno ocorrerá em 12 de agosto e será visível em partes da Groenlândia, Islândia e Espanha. Apesar de ocorrer principalmente sobre o mar, será um espetáculo digno de contemplação para os observadores sortudos nessas regiões.

2. 2027: Mar Mediterrâneo e Península Arábica

No ano seguinte, em 2 de agosto de 2027, o sul do Mar Mediterrâneo testemunhará um eclipse solar total. Esta maravilha cósmica poderá ser vista em áreas que abrangem desde a Espanha até o Território Britânico do Oceano Índico, proporcionando uma experiência celestial para milhões de pessoas.

3. 2028: Austrália

A Austrália receberá sua vez em 22 de julho de 2028, quando um eclipse solar total será visível em algumas regiões remotas e também em áreas mais densamente povoadas, como Sydney. Os observadores também poderão testemunhar a totalidade do eclipse em pontos selecionados da Nova Zelândia.

4. 2030: África e Austrália

Em 25 de novembro de 2030, outros pontos da Austrália terão a oportunidade de observar um novo eclipse solar total. Embora a totalidade ocorra principalmente sobre o oceano, cerca de 11 milhões de pessoas na África e na Austrália terão o privilégio de testemunhar esse evento celeste.

eclipses solares totais

5. 2031: Oceano Pacífico

Em 14 de novembro de 2031, ocorrerá um eclipse híbrido, combinando características de um eclipse solar total e um eclipse anular. Este fenômeno será visível principalmente sobre o oceano, com um anel de fogo visível nas costas do Panamá durante alguns segundos.

6. 2033: América do Norte

Os observadores da América do Norte terão a oportunidade de testemunhar um eclipse solar total em 30 de março de 2033. Este evento será especialmente cativante para aqueles no Alasca, oferecendo uma vista espetacular, especialmente quando combinado com as auroras boreais.

7. 2034: África e Ásia

Finalmente, em 20 de março de 2034, um eclipse solar total passará por uma extensa área habitada, permitindo que cerca de 109 milhões de pessoas testemunhem a totalidade em 13 países, desde a África central até o sul da Ásia.

Conclusão

Com sete eclipses solares totais planejados para a próxima década, os aficionados por astronomia terão muitas oportunidades emocionantes para contemplar a beleza e a grandiosidade do cosmos. Esses eventos cósmicos não apenas nos lembram da vastidão e da maravilha do universo, mas também nos conectam profundamente ao nosso lugar dentro dele. Prepare seus equipamentos e marque seus calendários, pois os céus estão prestes a oferecer um espetáculo verdadeiramente inesquecível.

...