As melhores frases de Mario Sergio Cortella para a vida valer a pena

Toda pessoa que começa a ler um livro de Mario Sergio Cortella, não larga até terminar. Todos que terminam um livro de Mario Cortella, termina transformado. Isso pelo fato que Mario Sergio Cortella provoca uma revolução na mente de quem o lê em seus livros.

Mario Sergio Cortella é um filósofo, escritor, educador e palestrante brasileiro cujas reflexões sobre ética, educação e sociedade têm inspirado pessoas de todas as idades. Suas obras são repletas de pensamentos provocativos que nos desafiam a refletir sobre nossa existência, comportamento e o mundo ao nosso redor.

Convidamos você leitor a ler as próximas frases, até este momento, memoráveis, oferecendo uma janela para a sabedoria deste pensador contemporâneo. Por ser muito profícuo, certamente neste momento, uma “chuva” de novas provocações, reflexões e pensamentos já foram lançados ao mundo. De qualquer forma, vamos àquelas que temos aqui.

mario sergio cortella 1

“Não nascemos prontos!”

Extraído de seu livro “Não Nascemos Prontos! Provocações Filosóficas”, esta frase ressoa a ideia de que a vida é um constante aprender. Cortella nos lembra de que o crescimento pessoal e profissional é um processo contínuo, incentivando-nos a abraçar o desconhecido e a nunca pararmos de buscar conhecimento e sabedoria.

“É preciso coragem para ser feliz.”

De “Por Que Fazemos o Que Fazemos?”, esta frase destaca a coragem necessária para buscar a própria felicidade em meio às adversidades da vida. Cortella propõe que ser feliz exige a audácia de enfrentar os medos e as incertezas, escolhendo caminhos que, embora desafiadores, são verdadeiros e satisfatórios para si mesmo.

“O riso é um ato de resistência.”

Neste pensamento, presente em “A Escola e o Conhecimento: Fundamentos Epistemológicos e Políticos”, Cortella aborda o poder do humor como uma ferramenta para enfrentar as adversidades da vida. O riso se torna uma forma de resistir às dificuldades, criando espaços de leveza e esperança em momentos de desafio.

“Educar é semear com sabedoria e colher com paciência.”

Em “Qual é a tua obra? Inquietações Propositivas sobre Gestão, Liderança e Ética”, Cortella reflete sobre o papel da educação. Esta frase sublinha a importância da paciência e da sabedoria no processo educativo, reconhecendo que os frutos do ensino e da aprendizagem muitas vezes demoram a se manifestar.

“A dúvida é o preço da pureza.”

Este insight, de “Por Que Fazemos o Que Fazemos?”, enfatiza o valor da incerteza e da reflexão crítica. Cortella nos encoraja a questionar e a duvidar como meio de alcançar uma compreensão mais profunda e genuína da realidade.

“Só é lutador quem sabe lutar consigo mesmo.”

De “Não Espere pelo Epitáfio… Provocações Filosóficas”, esta frase nos desafia a enfrentar nossos próprios demônios e limitações. Cortella fala sobre a importância da autoconfrontação e do autodesenvolvimento para quem deseja efetuar mudanças significativas tanto em si mesmo quanto no mundo.

“A ética é a estética do dentro.”

Em “Viver em Paz para Morrer em Paz: Paixão, Sentido e Felicidade”, Cortella nos apresenta a ideia de que a ética, mais do que um conjunto de normas, é uma expressão da beleza interior. Esta frase nos convida a refletir sobre como nossos valores e princípios moldam a beleza de nosso ser interior e nossas ações no mundo.

“A curiosidade é a essência da nossa existência.”

Esta frase, proveniente de “Por Que Fazemos o Que Fazemos?”, celebra a curiosidade como motor do conhecimento e da evolução humana. Cortella defende que manter a mente aberta e inquisitiva é fundamental para o desenvolvimento pessoal e coletivo.

“O conhecimento serve para encantar as pessoas, não para humilhá-las.”

De “Não Nascemos Prontos! Provocações Filosóficas”, esta reflexão critica o uso do conhecimento como instrumento de poder e dominação. Cortella nos lembra de que a verdadeira sabedoria reside na humildade e na capacidade de compartilhar o saber de maneira construtiva.

“A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida.”

Por fim, esta frase, que também pode ser encontrada em “Por Que Fazemos o Que Fazemos?”, fala sobre a beleza e a complexidade dos relacionamentos humanos. Cortella nos incentiva a valorizar os encontros que a vida nos proporciona, mesmo diante dos inevitáveis desencontros.

As frases de Mario Sergio Cortella nos convidam a uma profunda reflexão sobre os mais variados aspectos da vida humana. Seja falando de educação, ética, conhecimento ou felicidade, suas palavras servem como um guia para uma vida mais plena e consciente. Cortella nos ensina que, no fim das contas, a sabedoria reside na contínua busca pelo entendimento, na coragem de enfrentar nossos próprios limites e na capacidade de encontrar beleza nos encontros que a vida nos oferece.

...