Conheça a história da mulher que teve 69 filhos ao longo de sua vida

Em 1725, uma camponesa russa deu à luz pela primeira vez, algo completamente nada impressionante. Contudo, a história não para por aí: essa mesma mulher supostamente teve mais 26 gestações depois disso. Ao todo, acredita-se que Valentina Vassilyev teve impressionantes 69 filhos graças ao nascimento de gêmeos, trigêmeos e quádruplos ao longo de sua vida.

Atualmente, Vassilyev ainda detém o Recorde Mundial do Guinness como a “Mãe Mais Prolífica” de todos os tempos. A história aparentemente improvável e estatisticamente difícil de acreditar parece ser verdadeira, uma vez que foi confirmada por fontes contemporâneas que parecem ter verificado as documentações de suas muitas gestações.

Os 27 partos de Vassilyev a mulher mais prolífica do mundo

De acordo com a BBC, os registros de um mosteiro russo do século XVIII relataram que Valentina Vassilyev deu à luz 27 vezes entre 1725 e 1765. Esses 27 trabalhos de parto deixaram a camponesa russa com 69 filhos, pois ela teve vários nascimentos múltiplos.

Em um período de 40 anos, Vassilyev supostamente teve 16 pares de gêmeos, sete pares de trigêmeos e quatro quádruplos. E caso esses números sejam verdade, isso também significa que a camponesa russa passou muitos anos da sua vida grávida. Segundo o Guinness World Records, ela teve pelo menos um bebê na sua barriga por pelo menos 18 anos de sua vida, antes de morrer por volta dos 76 anos.

A veracidade da história

Ainda mais incrível que isso, acredita-se que quase todos os seus filhos tenham sobrevivido. Num relatório de 1782 enviado a Moscou, o Mosteiro de Nikolsk observou que apenas dois dos 69 filhos morreram na infância. O que diz a ciência sobre isso? Por mais incrível que pareça, a história de Valentina Vassilyev possui uma série de fontes que confirmam sua veracidade. Além dos registros do mosteiro citados pelo Guinness World Records, há também relatos da imprensa contemporânea sobre os 69 filhos da camponesa. Em 1783, por exemplo, o The Gentleman’s Magazine discutiu a alegação de que o marido de Vassilyev, Feodor, não só teve 69 filhos com ela, mas mais 18 crianças com sua segunda esposa.

Mulher

Do ponto de vista científico, é certamente possível que uma mulher seja fértil durante 40 anos. Também não há nada dizendo que alguém não poderia ter 27 gravidezes durante esses anos, embora a gravidez final de Vassilyev tenha ocorrido após a idade média que uma mulher costuma entrar na menopausa. Os nascimentos múltiplos, por sua vez, são explicados por uma condição chamada hiperovulação — onde vários óvulos são liberados durante cada ciclo menstrual.

Dito isso, poderia uma camponesa russa do século XVIII sobreviver a 27 gravidezes de alto risco? A sobrevivência da grávida e a baixa taxa de mortalidade dos bebês para aquela época são os aspectos mais controversos da situação. Mesmo assim, o recorde segue sendo apoiado pelo Guinness World Records. É claro que os registros podem ser imprecisos, mas com tantas fontes históricas falando sobre Vassilyev, é inegável que sua história foi impactante.

Conclusão

A história dessa mulher Valentina Vassilyev transcende os limites do extraordinário. Sua jornada, marcada por 27 partos e 69 filhos, desafia as probabilidades e continua a surpreender e inspirar pessoas até os dias de hoje. Ainda que envolta em controvérsias e questionamentos científicos, sua posição como a mãe mais prolífica da história permanece inabalável, deixando um legado que perdurará através dos séculos.

...