6 lugares lindos escondidos no Brasil que você precisa conhecer!

O Brasil é um país abençoado por uma variedade impressionante de paisagens naturais, que vão de florestas exuberantes a praias paradisíacas e chapadas deslumbrantes. Entre os destinos mais impressionantes estão o Jalapão, a Chapada das Mesas, a Chapada dos Veadeiros, a Chapada Diamantina, os Lençóis Maranhenses e a Lagoa Azul na Ilha Grande. Este artigo explora esses lugares incríveis, destacando suas características únicas e atraindo os amantes da natureza para visitarem esses refúgios de beleza e tranquilidade.

1. Jalapão (Tocantins)

O Jalapão, localizado no estado de Tocantins, é um destino de tirar o fôlego, conhecido por suas dunas douradas, fervedouros e cachoeiras cristalinas. Este verdadeiro oásis no coração do Brasil oferece aos visitantes uma experiência única de contato direto com a natureza. A prática de esportes como rafting no Rio Novo e a contemplação do pôr do sol nas dunas são atividades imperdíveis. O Jalapão é também um lugar de rica cultura local, onde o artesanato feito de capim dourado encanta os turistas.

lugares
Créditos da foto: Viaje Para Israel

Estação Seca (maio a setembro): Essa é a melhor época para visitar o Jalapão. Durante esses meses, as estradas de terra que dão acesso ao parque estão em melhores condições, as cachoeiras e os fervedouros têm níveis de água mais baixos, mas ainda são lindos e ideais para banho. O clima é mais ameno, com menos chuvas e temperaturas mais agradáveis.

Estação Chuvosa (outubro a abril): Durante essa época, as chuvas são mais frequentes e intensas, o que pode dificultar o acesso a algumas áreas devido ao estado das estradas. No entanto, a paisagem fica mais verde e exuberante, e os volumes de água nas cachoeiras são maiores. Se optar por visitar nessa época, esteja preparado para mudanças no itinerário e possíveis dificuldades no transporte.

Total estimado para uma viagem de 5 dias:

  • Transporte: R$ 2.500 a R$ 4.000
  • Hospedagem: R$ 750 a R$ 2.500
  • Alimentação: R$ 400 a R$ 750
  • Atividades: R$ 300 a R$ 1.000

2. Chapada das Mesas (Maranhão)

No Maranhão, a Chapada das Mesas é um espetáculo de paisagens esculpidas pela erosão ao longo de milhões de anos. Com suas formações rochosas impressionantes, como a Pedra Caída, e cachoeiras magníficas como a Cachoeira do Santuário, o destino é perfeito para os amantes do ecoturismo. A biodiversidade da região é outra atração, com uma rica fauna e flora que podem ser exploradas em trilhas e passeios guiados.

lugares
Créditos da foto: Um Viajante

Estação Seca (maio a setembro): Este é o período mais recomendado para visitar a Chapada das Mesas. Durante esses meses, as chuvas são raras, o que facilita o acesso às atrações e permite aproveitar melhor as trilhas e cachoeiras. As águas das cachoeiras e dos rios estão mais claras e a visibilidade é melhor para atividades como banho e fotografia.

Estação Chuvosa (outubro a abril): Embora a vegetação fique mais verde e exuberante durante essa época, as chuvas frequentes podem tornar algumas estradas e trilhas difíceis de transitar. Algumas atividades podem ser limitadas devido ao aumento do volume de água nos rios e cachoeiras, mas, em compensação, a paisagem é espetacular e as quedas d’água estão no seu auge.

Total estimado para uma viagem de 5 dias:

  • Transporte: R$ 1.500 a R$ 3.000
  • Hospedagem: R$ 500 a R$ 2.000
  • Alimentação: R$ 300 a R$ 600
  • Atividades: R$ 200 a R$ 800

3. Chapada dos Veadeiros (Goiás)

A Chapada dos Veadeiros, em Goiás, é conhecida por suas belezas naturais e pela mística que envolve a região. O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é Patrimônio Mundial da UNESCO e abriga cânions, cachoeiras e poços de águas cristalinas. A mística do lugar atrai não só aventureiros, mas também aqueles que buscam espiritualidade e conexão com a natureza. As cidades de Alto Paraíso e São Jorge são as principais portas de entrada para esse paraíso ecológico.

lugares
Créditos da foto: Montes Claros Ecoturismo

Estação Seca (maio a setembro): Essa é a época mais recomendada para visitar a Chapada dos Veadeiros. Durante esses meses, as chuvas são escassas, o que facilita o acesso às trilhas e cachoeiras. As temperaturas são mais amenas, especialmente à noite, e os dias são ensolarados. Esse período é ideal para caminhadas, observação de fauna e flora, e atividades ao ar livre.

Estação Chuvosa (outubro a abril): Durante essa época, a vegetação está mais verde e as cachoeiras estão com maior volume de água, o que pode tornar as paisagens ainda mais impressionantes. No entanto, as chuvas podem tornar algumas trilhas escorregadias e mais difíceis de transitar. É importante estar preparado para mudanças climáticas rápidas e levar equipamentos adequados para chuva.

Total estimado para uma viagem de 5 dias:

  • Transporte: R$ 1.000 a R$ 2.000
  • Hospedagem: R$ 500 a R$ 2.000
  • Alimentação: R$ 400 a R$ 750
  • Atividades: R$ 250 a R$ 1.000

aaaaaaa 2024 04 22T162055.191 1536x864 1

10 destinos de viagem exóticos que você precisa visitar


4. Chapada Diamantina (Bahia)

Na Bahia, a Chapada Diamantina é um destino que combina aventura e história. Com suas grutas, cachoeiras e trilhas desafiadoras, o local é ideal para os aventureiros. Destaques incluem a Cachoeira da Fumaça, uma das mais altas do Brasil, e a Gruta da Lapa Doce, com suas impressionantes formações de estalactites e estalagmites. Além das belezas naturais, a Chapada Diamantina possui um rico passado histórico ligado à exploração de diamantes.

lugares
Créditos da foto: Carpe Mundi

Estação Seca (maio a setembro): Esta é a melhor época para visitar a Chapada Diamantina. Durante esses meses, as chuvas são menos frequentes, o que facilita as trilhas e o acesso às cachoeiras. As temperaturas são mais amenas, tornando as caminhadas mais confortáveis. Este período é ideal para explorar os diversos atrativos naturais da região, como a Cachoeira da Fumaça e o Morro do Pai Inácio.

Estação Chuvosa (outubro a abril): Durante a estação chuvosa, a vegetação fica mais verde e exuberante, e o volume de água nas cachoeiras aumenta, criando paisagens ainda mais impressionantes. No entanto, as chuvas podem tornar algumas trilhas escorregadias e mais desafiadoras. Se visitar durante esse período, esteja preparado para mudanças climáticas rápidas e para possíveis alterações no itinerário.

Total estimado para uma viagem de 5 dias:

  • Transporte: R$ 1.000 a R$ 2.000
  • Hospedagem: R$ 500 a R$ 2.000
  • Alimentação: R$ 400 a R$ 750
  • Atividades: R$ 250 a R$ 1.000

5. Lençóis Maranhenses (Maranhão)

Os Lençóis Maranhenses são um dos destinos mais únicos do Brasil. Localizado no Maranhão, este parque nacional é conhecido por suas vastas dunas de areia branca intercaladas por lagoas de água doce cristalina que se formam durante a temporada de chuvas. A paisagem surreal atrai turistas do mundo todo, que podem explorar a região em passeios de jipe ou voos panorâmicos. O contraste entre as dunas e as lagoas cria um cenário de rara beleza.

lugares
Créditos da foto: Zarpo Magazine

Estação das Chuvas (janeiro a junho): Durante esse período, as chuvas enchem as lagoas, que começam a se formar a partir de março. O pico de beleza das lagoas ocorre entre maio e agosto, quando estão cheias e a paisagem se torna um espetáculo natural único. A temperatura é quente, mas suportável, e o visual é impressionante com as lagoas cristalinas entre as dunas brancas.

Estação Seca (julho a dezembro): Embora a partir de setembro algumas lagoas comecem a secar, ainda é possível encontrar lagoas cheias até outubro, especialmente as maiores. Este período também é favorável para passeios, pois o clima é mais seco e as trilhas são mais acessíveis. No entanto, a paisagem não será tão exuberante quanto na estação das chuvas.

Total estimado para uma viagem de 5 dias:

  • Transporte: R$ 1.000 a R$ 2.000
  • Hospedagem: R$ 500 a R$ 2.000
  • Alimentação: R$ 400 a R$ 750
  • Atividades: R$ 350 a R$ 1.000

6. Lagoa Azul – Ilha Grande (Rio de Janeiro)

A Lagoa Azul, localizada na Ilha Grande, Rio de Janeiro, é um dos destinos mais icônicos da ilha. Este paraíso de águas transparentes e azuladas é perfeito para atividades como mergulho e snorkeling. A diversidade marinha é um espetáculo à parte, com peixes coloridos e corais que encantam os visitantes. A Lagoa Azul é acessível por barco e é uma parada obrigatória para quem deseja vivenciar a beleza natural intocada da Ilha Grande.

lugares
Créditos da foto: Ilha Grande

Verão (dezembro a março): Essa é a alta temporada e a melhor época para aproveitar as praias e a Lagoa Azul. O clima é quente e ensolarado, perfeito para atividades ao ar livre como snorkeling e mergulho. No entanto, essa também é a época mais movimentada, com maior fluxo de turistas e preços mais altos.

Outono (abril a junho): Durante esses meses, o clima ainda é agradável, com temperaturas amenas e menos chuvas. A Ilha Grande fica mais tranquila, tornando-se uma excelente época para quem prefere menos agitação. Além disso, os preços de hospedagem e passeios tendem a ser mais baixos.

Inverno (julho a setembro): Embora as temperaturas sejam mais baixas, ainda é possível aproveitar as atividades aquáticas. As chuvas são menos frequentes, e a visibilidade da água pode ser excelente para mergulho. É uma boa época para quem busca tranquilidade e preços mais acessíveis.

Primavera (outubro a novembro): Esse período é similar ao outono, com clima ameno e menos turistas. A ilha começa a se preparar para a alta temporada, mas ainda oferece uma experiência tranquila e agradável.

Total estimado para uma viagem de 5 dias:

  • Transporte: R$ 800 a R$ 1.800
  • Hospedagem: R$ 500 a R$ 2.000
  • Alimentação: R$ 400 a R$ 750
  • Atividades: R$ 300 a R$ 750

Conclusão dos lugares lindos e escondidos no Brasil

Explorar os paraísos escondidos do Brasil, como o Jalapão, a Chapada das Mesas, a Chapada dos Veadeiros, a Chapada Diamantina, os Lençóis Maranhenses e a Lagoa Azul na Ilha Grande, é uma experiência enriquecedora que conecta o visitante às belezas naturais e à rica biodiversidade do país. Cada um desses lugares oferece paisagens únicas e atividades variadas, proporcionando momentos inesquecíveis e uma profunda apreciação pela natureza. Seja para aventura, relaxamento ou exploração, esses lugares são verdadeiros tesouros a serem descobertos e preservados.

...