6 locais arqueológicos pouco conhecidas no México que você vai adorar

O México é um país rico em história e cultura, com inúmeros sítios arqueológicos que narram as histórias de antigas civilizações. Enquanto lugares como Chichén Itzá e Teotihuacán atraem milhões de turistas todos os anos, existem outros locais menos conhecidos que oferecem experiências igualmente fascinantes.

Vamos conhecer seis zonas arqueológicas pouco conhecidas no México que você vai adorar descobrir. Desde estruturas cerimoniais até antigos observatórios astronômicos, cada um desses lugares revela um capítulo único da rica herança cultural do México.

Chalchihuites, Zacatecas

Localizada entre Zacatecas e Durango, a zona arqueológica de Chalchihuites é um testemunho da cultura Chalchihuite. Este sítio se destaca por sua associação com a proximidade ao Trópico de Câncer, tornando-o um importante centro de observação astronômica. Enquadrado por três montes: El Picacho Pelón, o Chapín e o Pedregoso, Chalchihuites era essencial para antecipar a mudança das estações através do acompanhamento do movimento do sol ao longo do ano.

mexico 2

Os vestígios de plataformas e estruturas sugerem que este local foi usado para cerimônias e rituais astronômicos. Além disso, a localização estratégica de Chalchihuites oferece impressionantes vistas panorâmicas, fazendo desta visita uma experiência tanto educativa quanto visualmente impactante.

Quiahuiztlán, Veracruz

Quiahuiztlán, situado no monte dos Metates perto de Villa Rica, é uma cidade-cemitério que foi testemunha de um importante momento histórico: a aliança entre os espanhóis e os totonacas para derrotar o império tenochca. Este local, que funcionou como uma fortaleza e um cemitério, conta com três cemitérios distintos, um jogo de pelota e duas praças, cada uma com uma pirâmide decorada.

As estruturas funerárias, conhecidas como templos dos mortos, oferecem uma visão única das práticas funerárias pré-hispânicas. Além disso, as inscrições e decorações nas pirâmides fornecem um valioso contexto histórico e cultural, tornando-o um local imperdível para os entusiastas da história.

Cañada de la Virgen, Guanajuato

A apenas 16 quilômetros de San Miguel de Allende, encontra-se a Cañada de la Virgen, um sítio arqueológico astronômico que era regido pelos trânsitos de Vênus, da Lua e do Sol. Esta localização funcionava como um relógio lunar, ajudando os antigos habitantes a determinar os melhores momentos para a caça e a colheita.

O local conta com um pátio central rebaixado que provavelmente era utilizado como espelho de água para observar os astros. A precisão com que as estruturas foram alinhadas para rastrear eventos astronômicos demonstra o profundo conhecimento astronômico de seus habitantes e oferece uma experiência fascinante para os visitantes interessados na astronomia antiga.

Guachimontones, Jalisco

Também conhecido como Teuchitlán, este sítio arqueológico em Jalisco é famoso por sua pirâmide circular, dois jogos de pelota e um anfiteatro. Acredita-se que a pirâmide principal estava dedicada a Ehécatl, o deus do vento, devido à disposição dos degraus e à forma circular da estrutura.

A descoberta de um mastro semelhante ao utilizado pelos voladores de Papantla sugere que rituais semelhantes eram realizados em Guachimontones. Este local oferece uma visão única das práticas rituais e cerimoniais da região, e seu design arquitetônico distinto faz dele um lugar fascinante para explorar.

Las Ranas, Querétaro

Localizado perto de Tequisquiapan, ao sudeste da Sierra Gorda, Las Ranas foi um sítio de grande relevância durante os séculos VII e XI devido à riqueza mineral da região. Este sítio arqueológico conta com estruturas cerimoniais circulares e três jogos de pelota alinhados, sugerindo sua importância como centro religioso e esportivo.

As vistas panorâmicas das ruínas de Las Ranas oferecem uma impressionante perspectiva da região circundante. A combinação de sua história mineradora e sua relevância cerimonial faz dele um destino atraente para aqueles interessados na arqueologia e na história pré-hispânica.

Kohunlich, Chetumal

Kohunlich, localizado na região selvática de Chetumal, é conhecido pelo Templo dos Mascarones, uma estrutura adornada com oito rostos antropomorfos gigantes, dos quais cinco estão em perfeito estado de conservação. Este local, coberto pela exuberante selva, também abriga uma série de pirâmides e mais de 200 montes que ainda não foram escavados.

A beleza de Kohunlich reside não apenas em suas estruturas impressionantes, mas também em seu ambiente natural. Explorar este sítio oferece uma experiência única de imersão na história e na natureza, fazendo de Kohunlich um destino imperdível para os aventureiros e amantes da arqueologia.

O México é um país repleto de maravilhas arqueológicas, e estas seis zonas pouco conhecidas oferecem uma visão única e enriquecedora da rica herança cultural do país. Desde observatórios astronômicos até cidades-cemitério e estruturas cerimoniais, cada um desses sítios conta uma história fascinante que merece ser explorada e apreciada.

Visitar esses sítios arqueológicos não apenas enriquece nosso entendimento das antigas civilizações que habitaram o México, mas também nos conecta com o passado de uma maneira profunda e significativa. Esses tesouros escondidos são um lembrete da grandeza e da complexidade das culturas pré-hispânicas e continuam a inspirar aqueles que se aventuram a descobrir seus segredos.

...